profile cover
0.00%
Compartilhar

Criado em 22/09/2020

Pró Cleusa

Cargo Pretendido:
Vereadora , Amargosa - BA

Filiação Partidária:
PT

Dias restantes

-8

R$ 5.000,00
Objetivo
R$ 0,00
Arrecadado

Contribuir

Por que quer ser candidato?

Para melhoria dos serviços públicos oferecidos a população de Amargosa

Pautas e bandeiras defendidas

Educação, Mulher e Assistência Social

Propostas

EDUCAÇÃO.
- Conservação do Patrimônio Público. O Patrimônio Publico, com olhar do Publico.
- Criação da disciplina Educação Patrimonial nas escolas municipais.
- Possibilidades que essa disciplina pode trazer:
- Fomentar discussões sobre a preservação, conservação e conhecimentos... Sobre a importância e aquisição do Patrimônio Publico.
- Criação de cartilha educativa a partir dos instrumentos legais que já existem
- A cultura do Lugar ( Amargosa) como Patrimônio Imaterial
- A História do Lugar (Amargosa) como legado para os munícipes.
- Criação do Museu da Pessoa, (homens e mulheres) que ajudaram e ajudam a construir a cidade que precisamos, também são patrimônios da Historia do Lugar.
- Apresentação de suas biografias e imagens, estimulando assim, o protagonismo desses cidadãos e cidadãs, na construção e apresentação de suas Historias de Lutas, que são patrimônios do Lugar.
- EX. Artesão (a), agricultores,(as) feirantes, rezadeiras, professores...dentre outros
- Fortalecer o sentimento de pertencer e da identidade do Povo Amargosense..
- Fortalecer a discussão sobre o plano de carreira dos profissionais da Educação, como forma de garantir o direito os avanços necessários.
- Mobilizar a câmara de vereadores, no sentido de criar, discutir e votar projetos que sinalizem para melhorias na qualidade da Educação e valorização dos profissionais.
- Criar e apresentar projetos de lei que regularize a capacitação profissional,dos profissionais da Educação,possibilitando a formação continuada, como forma de qualificar, a atuação profissional, bem como possibilitar melhor remuneração.
- Criar PL, que regularize a data base para aumento de salário para os professores, com pagamento retroativo ao primeiro mês do ano ( janeiro).

PARA A EDUCAÇÃO DO CAMPO

Elaborar e distribuir módulos como suporte pedagógico para a Educação Infantil, nas classes multisseriadas.
Retomar, reelaborar proposta pedagógica para a Educação do Campo, a partir da construção de um diálogo com os sujeitos do processo, respeitando sua territorialidade.

Possibilitar atividades extra-classe para que os alunos das escolas do campo tenham vivências para além dos muros das salas de aula.

Criar o laboratório de ciências naturais para estudos da biologia e química, sobretudo para fortalecer o sentimento de pertencimento a estes espaços entre os alunos do Campo.

Possibilitar a criação de disciplinas de introdução á Informática, para alunos do 4º e 5º ano das Escolas do Campo.

Permitir que alunos do Campo, sobretudo os que estão em distorção idade-série e suas famílias tenham cursos de qualificação e formação profissional, tais como corte e costura, marcenaria, empreendedorismo, informática, reparos e reformas, informática, auxiliar de cozinha, assistente administrativo, para que percebam a possibilidade da qualificação para ampliação das oportunidades no mercado de trabalho.

Criar um projeto onde 20% das vagas das empresas de Amargosa contratem prioritariamente estudantes (para estágios ou menor-aprendiz) e seus familiares para estarem no mercado de trabalho da zona urbana. Essa ação possibilitará geração de renda e empresa para as famílias das comunidades.

Assegurar que disciplinas ligadas a preservação ambiental e primeiros socorros, em parceria com a secretária de agricultura e da saúde, façam parte da formação dos alunos do 4º e 5º ano nas Escolas do Campo.


A MULHER
- Fortalecer o conselho da mulher, estimulando seu protagonismo nos espaços de poder, criando núcleos de apoio nos Distritos.
- Revitalizar a Diretoria de Políticas Publicas para as Mulheres.
- A partir da Diretoria de Políticas Publicas fomentar:
- O fortalecimento das cooperativas das Mulheres que já existem, bem como, fomentar a criação de novas cooperativas e associações, nos locais onde não há.
- Discutir parcerias com o SENAC, onde a Instituição será motivada a fornecer bolsas de estudo para as mulheres que não tem condições de Pagar.
- Fortalecer o projeto Economia Solidaria das Mulheres do Alto da Bela Vista, bem como, trazer e partilhar a ideia em outras comunidades.
- Criar parceria com o CETEP, Vale do Jiquiriça, onde a Instituição atue como parceira na capacitação das mulheres para inserção no mercado de trabalho e empreendedorismo.
- Criar, e ou fomentar a participação do CFP/ UFRB, no que tange ao apoio, orientação às famílias eaos alunos com NEE Necessidades Educativas Especiais, fortalecendo as mães desses alunos que diariamente enfrentam desafios para ajudar seus filhos a serem inseridos nos ambientes sociais, inclusive a Escola. Isso via ( Diretoria de Políticas Publicas para as Mulheres)

NA ASSISTÊNCIA
Realização de um chamamento, cobrar da Secretaria de Assistência Social um SCFV atrativo e de qualidade para os usuários, implantando projetos e profissionais qualificados. É necessário um coordenador pedagógico para o SCFV)
orientar mães da Sede e do Campo sobre o acompanhamento das vacinações.
Orientar as mulheres sobre os programas sociais.
Garantir a presença do CRAS E CREAS nas escolas do campo e rural.




NA SAÚDE
Preventivo nas comunidades rurais (Implantar um projeto de saúde da mulher: ter uma médica (ginecologista) que acompanhe de maneira total essas mulheres da zona rural. Essa profissional precisa ser lotada na zona rural para circular pelas localidades)
Garantir direitos para as mulheres grávidas – licença maternidade dentre outros. (Acredito que isso já seja garantido, pois e lei)
Prioridades no atendimento de gestantes
Dialogar sobre Parto Humanizado, ( Casa da Mãe) fortalecendo e ampliando o Projeto da A Casa da Mãe)
Promover nas escolas encontros envolvendo a saúde da mulher.
Dialogando com os PSF e o Conselho da Juventude, através de rodas de conversas, arte eum canal tecnológico para que um coletivo de jovens e outros profissionais da área, possam passear pelas comunidades e escolas trazendo essas discussõessobre a gravidez na adolescência.
A Dengue como problema de Saúde Publica. Fortalecer as discussões de prevenções contra a Dengue e outras doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti ( colocar na pauta da proposta de Ensino da Rede Municipal de Ensino)


Histórico

Um pouco da Historia da pró Cleusa.
Nasceu no Povoado Barra de Acaju Município de Amargosa, na Bahia, em 29 de janeiro de 1971. Filha de lavradores é a sétima filha do casal, e primeira da família a entrar na Universidade e cursar o Nível Superior. Cursou o seu ensino fundamental I, em uma escola do Campo na Comunidade onde nasceu e morou durante mais de 20 anos. Após concluir o Ensino Fundamental I, II e Ensino Médio, (Magistério), na época ela precisava continuar estudando, pois faltava o seu maior triunfo, que era cursar uma Universidade. Lecionando, estudando e criando os filhos, após mudar para a Sede do Município, Conseguiu Cursar sua primeira licenciatura em Normal Superior pela FACE, Faculdade de Ciências Educacionais. Cursou Especialização, em Psicopedagogia Institucional e Clinica, pela mesma Instituição. Depois disso, os estudos não pararam, cursou Ciências Biológicas, pela UESC, Universidade Estadual de Santa Cruz, Cursou Especialização em Pedagogia Histórico Critica, Para as Escolas do Campo pela UFBA, Universidade Federal da Bahia, Pós Graduou-se em Políticas Públicas para a Educação Básica, pela FBB. Faculdade Batista Brasileira, dentre outros cursos de formação continuada. Durante o exercício do magistério, lecionou em várias Instituições tanto da Rede Municipal de Educação, como Estadual do município. Lecionando desde 1993, Cleusa carrega na sua trajetória de vida pessoal e profissional, um enorme engajamento na Educação, vislumbrando mais igualdade de oportunidades. Atuando também no combate á Violência contra Mulher, no enfrentamento para garantir a efetivação de políticas públicas para a promoção da Mulher Amargosense, visando seu empoderamento.
Se lançar pré-candidata, afim de pleitear uma vaga na Câmara Municipal de Vereadores de Amargosa é mais um desafio que pretendo encarar, por entender que para mudarmos uma realidade, e construir nela novas perspectivas para o bem coletivo, precisamos entrar em ação inteligente, e promover as mudanças que tanto desejamos.

Siga-me nas redes sociais


Transparência


Candidato não recebeu nenhuma doação até o presente momento!